Moradores ficam quatro dias sem luz

0
701

Foto:

Moradora Glaucia e seus vizinhos perderam toda a comida da geladeira

Após 77 horas sem energia elétrica, moradores da uma quadra da Rua Catão, na Vila Romana, e travessas próximas perderam toda comida da geladeira. O sapateiro da esquina com Rua São José da Serra só pode fazer pequenos consertos que não exigiam maquinário. Assim como toda a vizinhança, a viúva Glaucia Alvarenga Siloto teve que jogar no lixo todos os congelados que comprou para o mês. Um condomínio ficou sem água na caixa porque a bomba não funcionava sem energia.  O síndico Paulo Kono conta que precisou alugar um gerador para abastecer a caixa e para abertura dos portões. O prédio tem dez andares e moradores idosos e um cadeirante. “Em quase 20 anos aqui, nunca vi isso”, disse o síndico.

A empresa Lombard, com escritório na Catão, também precisou alugar gerador por dois dias (no valor de R$ 1500 por dia). Segundo o diretor, Hélio Bruni a falta de energia começou na segunda-feira após o vendaval e chuva. Assim como seus vizinhos, a moradora da Rua São José da Serra, Miriam Avileo colecionou pelo menos dez protocolos de reclamação à Eletropaulo. Todos reclamaram do péssimo atendimento pelo telefone.

O mesmo aconteceu ma região da Vila Pompeia, onde um grupo de moradores saiu às ruas para chamar a atenção das autoridades e protestar na Avenida Pompeia, no início da tarde de quinta-feira. Em seguida a Eletropaulo fez o reparo.  

A AES Eletropaulo foi questionada sobre a falta de energia na Rua Catão. Apesar do reparo na noite de quinta-feira, a concessionária informou que não localizou nenhuma reclamação da região. Todos prometem recorrer a Justiça para não ficar no prejuízo.  

COMPARTILHE
Artigo anteriorSub Lapa apreende|mercadorias
Próximo artigoFesta

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA