Movimento invade prédios na Lapa

0
1666

Foto: Maria Isabel Coelho

Maria Isabel Coelho
Cerca de 10 pessoas ocupam o imóvel da Rua Brigadeiro Gavião Peixoto

Imóveis com placas de aluga-se ou vende-se da Rua Brigadeiro Gavião Peixoto viraram alvo do Movimento Social de Luta por Moradia da Capital. Dois prédios já tiveram a placa das imobiliárias trocadas pela do movimento de moradia. Segundo um homem que se identificou pelo nome de Leandro, cerca de 10 pessoas ocupam o imóvel do número 160 onde já funcionou um pronto-socorro infantil. “Nosso negócio é luta por moradia. A gente invade, se organiza e limpa, fica melhor do que abandonado”, declarou um dos ocupantes do prédio.

Do lado contrário, o número 95, onde também funcionava um serviço de saúde, ganhou a placa do movimento de moradia. Donos de imóveis para locação ou venda temem o prejuízo com ocupações. De acordo com um dono de imóvel, as invasões acontecem nos feriados prolongados, quando o movimento na rua é mais calmo.

As imobiliárias que administram os prédios invadidos afirmam que já tomaram as providências junto com os proprietários dos imóveis. A Jensen registrou Boletim de Ocorrência no dia 3 de abril sobre a invasão do prédio do número 95 da rua. Na Lopes, a informação é que o jurídico já está acompanhando o caso, mas não deu maiores detalhes.
O presidente do Creci-SP (Conselho dos Corretores de Imóveis de São Paulo) José Augusto Viana Neto disse que a orientação é ir à polícia registrar a queixa e depois recorrer à Justiça para a desocupação do imóvel pelos invasores. “Agora, quem vai tomar as providências “depende do contrato que tem com o proprietário”.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA