Viradalata recebe “Das Dores – Suíte Strindberg”

0
723

Foto: Divulgação

Divulgação
Atrizes da Epifania Cia. de Teatro

O Teatro Viradalata recebe a partir de sábado (1º) uma adaptação realizada por Samir Signeu de textos dramatúrgicos do autor sueco August Strindberg (1849-1912) com a Epifania Cia. de Teatro. Cenas de obras como “Senhorita Julia”, “A Mais Forte”, “O Pai”, “O Sonho” e “O Pelicano” são encenadas no espetáculo “Das Dores – Suíte Strindberg” com uma estrutura fracionada, cenas independentes e elenco exclusivamente feminino. O texto problematiza a questão da fragmentação do pensamento contemporâneo, em circunstâncias do cotidiano com um olhar sobre o universo feminino, com suas dores, dilaceramentos e força diante do amor, da sociedade, do trabalho, da família e da sua própria identidade. “A partir da leitura da obra do dramaturgo, romancista, ensaísta e contista sueco August Strindberg, constatamos que a Mulher tem um papel fundamental no seu trabalho. Então, empreendemos a seleção de textos, onde o feminino prevalecesse, ainda que não num sentido positivo, pois toda a produção de Strindberg está verticalmente contaminada pela sua misoginia, depreciando a figura feminina”, afirma o diretor Samir Signeu. “Procuramos, com as próprias palavras do autor, contradizê-lo, ao falar do papel da Mulher. Estabelecemos, dessa forma, um diálogo provocativo”, completa.
Na peça, as três atrizes em cena (Amanda Leones, Carla Dias e Luana Costa) são a mesma personagem, criando a diversidade dos vários ângulos de um mesmo papel, em um cenário minimalista com poucos elementos. A trilha sonora é composta com peças para piano de Edvard Grieg. A peça fica em cartaz até o dia 20 de agosto, com apresentações aos sábados e domingos, às 19h. Os ingressos custam R$ 40 e a classificação indicativa é 12 anos. O Teatro Viradalata fica na Rua Apinajés, 1387.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA