Nossa querida Lapa

0
543

Não é de triunfos que quero falar, mas sim de fidelidade ao bairro. Minha missão como assistente social foi a urgência e o valor pelas pessoas mais idosas envolvendo a participação de entidades civis e governamentais.

Idealizadora da Comid, sob minha liderança e voluntários percebemos que a melhor maneira de valorizar o passado é dar respostas ao futuro, somos idosos lapeanos, as nossas motivações encontram sua fonte no encontro com aquele que vive no próprio bairro.

A vida atual dificulta a presença da família no cuidado do idoso, mas existem possibilidades de conciliar estes papéis através de estratégias disponíveis nos serviços públicos e privados.

Uma das atividades simples e gratuita é a realização de caminhadas em parques e praças públicas, que devem estar preparadas para evitar quedas causadas por fatores extrínsecos como as calçadas irregulares, escadarias inseguras, iluminação precária devido a sombra das copas de árvores e fezes de animais deixadas pelos seus tutores.

Surgiram serviços e profissionais interessados em pesquisar a saúde do idoso e desenvolver atividades nas áreas socioeducativas, culturais e de lazer com o público idoso, procurando dar um significado mais positivo à velhice.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA