Cooperação e acompanhamento

0
44

O barulho feito em reuniões e na internet surtiu efeito: o Pré-Carnaval de Rua na região ocorreu de forma tranquila, com participação de famílias, respeito aos horários (salvo o caso de um ou outro folião que não se conformou com o fim do evento e permaneceu no local, algo que sempre acontece), fiscalização e limpeza das vias. Com a chegada do feriado, vamos acompanhar se o clima será o mesmo.

A Prefeitura Regional da Lapa pede para quem for aos blocos que não leve garrafas de vidro e também não compre se alguém estiver vendendo. Pede ainda que, se alguém vir a comercialização de garrafas, deve avisar o fiscal mais próximo porque esse tipo de produto não foi autorizado para as festas. Vidro quebrado é um grande risco para as crianças, foliões e responsáveis pela limpeza. Da mesma forma, qualquer atividade que envolva trabalho infantil deve ser denunciada pelo número 156 para que o agente do conselho tutelar possa intervir.

Mas é fato que organização e cidadania contribuem muito para o bom andamento de qualquer evento. Essa cobrança dos moradores que não querem ter a frente de suas casas prejudicadas ou sujas após os desfiles é muito justa, mas não deve ser pontual.
Quando algo nos incomoda diretamente, em frente de casa, na nossa rua ou bairro, a movimentação para mudar essa realidade é quase instantânea. Mas é fundamental usar a mesma energia para cobrar e mudar o que não vemos.

Um exemplo foi citado na reunião do Conselho Participativo Municipal da Lapa, com a apresentação de um ofício que pede a relação de contratos de imóveis locados para equipamentos da Prefeitura. É imprescindível cobrar transparência do poder público. Muitas vezes, algumas instalações que estão em imóveis alugados, caso de algumas UBSs da região, apresentam uma estrutura aquém do que seria adequado para sua função, sem acessibilidade, com rachaduras nas paredes e cômodos que não comportam o público que será atendido. Não bastasse isso, quão pior seria saber que o aluguel destes imóveis está muito acima do valor de mercado? Por isso é fundamental a disponibilização dessas informações.

O Portal da Transparência é uma boa ferramenta, mas, sem saber o caminho, nem todos conseguem encontrar dados específicos. E quando o assunto é dinheiro público, todo e qualquer cidadão deve conseguir encontrar a informação que deseja. Administramos com cuidado o nosso dinheiro para garantir o seu melhor uso, e devemos saber o que o governo faz com os recursos que são fornecidos por nós. Assim, poderemos acompanhar, cobrar e criticar as ações daqueles que escolhemos para cuidar do que é todos. Transparência e diálogo são primordiais para a democracia.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA