Conseg Perdizes explica programas de segurança

0
237

Foto: Bárbara Dantine

Bárbara Dantine
Membros do Conseg explicam programas de segurança

Na reunião do Conseg Perdizes/Pacaembu, realizada na terça-feira (19), o capitão Benites, da 3ª Cia. do 4º BPM/M, falou das ações de monitoramento que estão em andamento em pontos que concentram grande fluxo de pessoas, como a Avenida Sumaré e Praça Marrey Junior.

Alguns dos presentes questionaram as diferenças dos programas Vizinhança Solidária, City Câmeras e Detecta. A mesa explicou que, enquanto o Vizinhança Solidária é um conjunto de ações comunitárias, que visam a segurança preventiva, o City Câmeras é um projeto da Prefeitura onde munícipes e comércios podem ceder as imagens de câmeras para os agentes de segurança, a partir de empresas credenciadas para o serviço. Já o Detecta é um sistema de monitoramento do governo do Estado, no qual empresas e associações de moradores podem colaborar, mas não pessoas físicas. O Capitão Benites afirma que já participou de duas reuniões com os tutores do projeto Vizinhança Solidária de Perdizes, porém, é preciso que a comunidade se mobilize para que o programa seja iniciado.

Na reunião foi pedida iluminação na Avenida Sumaré, em trechos da Avenida Professor Alfonso Bovero, Rua Caraíbas, e reforço do policiamento no Terminal Barra Funda em dias de jogos. Foi questionada a possibilidade de se colocar uma base comunitária na região, porém, Benites explica que as bases fixas estão sendo desativadas, já que deixam os policiais com a atuação restrita em um só lugar. Também foi solicitada a participação de representantes do PSIU nas reuniões do Conseg, já que o barulho causado por bares sempre é motivo de reclamação.

Com a chegada do inverno, a GCM está com uma campanha de acolhimento para moradores de rua. Quem souber de pessoas que precisam de ajuda pode ligar para o número 153.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA