Desfile de carros antigos

0
515

Foto:

Raridades participaram do desfile

RENATA DE GRANDE REPÓRTER

A abertura oficial dos festejos do 414º aniversário da Lapa, domingo, dia 12 de setembro, foi apoteótica. O desfile de carros antigos fez a alegria dos moradores mais saudosistas. Os 32 automóveis percorreram pelas ruas e avenidas do bairro, mostrando um pouco da história do automobilismo do Brasil e do exterior. Raridades, como o Studebaker (1954), o Interlagos conversível, (1964), Candango (1959), MG (1966), além dos Fordinhos (1929), o Ford (1937, “hot” turbinado) e Ford F1 (1951), participaram do evento.
Mas a grande vedete do desfile foi a Romi Isetta (1959), do colecionador e morador do bairro, Antonio Carlos Migotto. Ele revelou a história e suas paixões por carros antigos. “Conheci minha esposa por causa desta Romi Isetta. Hoje, após 30 anos de convivência, o carro faz parte da família”, afirma Migotto, presidente do Clube da Romi Isetta, ressaltando ainda que já recebeu diversas ofertas para vender o carro.
A abertura do evento contou com a apresentação da Banda Operária da Lapa, que completou 123 anos de existência neste mês. Ao término do desfile, os colecionadores foram recepcionados no estacionamento do Espaço Cultural Tendal da Lapa pela Bateria da Escola de Samba Águia de Ouro. Os participantes receberam um certificado..
O evento foi organizado pela Subprefeitura da Lapa, Colégio Santo Ivo, Clube da Comunidade Mauro Bezerra Pinheiro (CDM- Lapa de Baixo) e Jornal da Gente.

COMPARTILHE
Próximo artigoPRESTIGIO

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA