Prefeito visita Tendal da Lapa

0
607

Foto: Bárbara Dantine

Bárbara Dantine
Bel Toledo apresenta melhorias realizadas no Tendal para Bruno Covas e Alê Youssef

O prefeito Bruno Covas esteve na região na quarta-feira (9) para conhecer as melhorias realizadas no Centro Cultural Tendal da Lapa. Covas foi acompanhado pelo secretário municipal de Cultura Alê Youssef, de Infraestrutura Urbana e Obras Vitor Aly, do subprefeito da Lapa Leo Santos, da coordenadora do Tendal da Lapa Bel Toledo, e dos vereadores Fabio Riva, Professor Eliseu Gabriel, Xexéu Tripoli e Beto do Social.

Apesar da placa descerrada indicar a entrega da readequação (administração, salas de oficinas e banheiros) em outubro de 2019, a reforma ocorreu em dezembro de 2018, e foi viabilizada com recursos do Fundo de Desenvolvimento Urbano (Fundurb) e executada pela Secretaria Municipal de Infraestrutura Urbana e Obras (SIURB). Os vereadores que contribuíram com emendas para o centro cultural, Fabio Riva (isolamento acústico) e Professor Eliseu Gabriel (tablado) também apresentaram suas intervenções ao prefeito. Segundo a Prefeitura, semanalmente mais de 800 pessoas usam as quatro salas reformadas para oficinas variadas como capoeira, yoga, danças e música.

Questionado sobre a construção de novos centros de cultura na cidade, Covas defendeu que é mais importante requalificar os já existentes. “Não adianta começar obras novas se não funcionar aquilo que já existe”, disse. O prefeito também afirmou que já foi iniciado o projeto para instalar mais postes de iluminação em São Paulo. “O STJ autorizou a Prefeitura a assinar a PPP (da iluminação) e ela foi assinada em agosto. Íamos começar pelas grandes avenidas, mas decidimos instalar os novos postes nos pontos com maior índice de criminalidade. Já temos dois mil novos postes instalados e a expectativa é renovar de 50% a 60% dos postes da cidade até o fim da gestão”, declarou.

Outro assunto durante a coletiva de imprensa do prefeito foi a reabertura do Parque Leopoldina Orlando Villas-Bôas. “Tivemos uma reunião ontem sobre isso e são R$ 20 milhões que estamos atrás para iniciar a obra o mais rápido possível. A expectativa é começar (a obra) ano que vem, mas estamos tentando antecipar ainda para esse ano. O terreno já foi liberado pela Cetesb”, afirmou Bruno Covas.

Representantes da EMEF Dilermando Dias dos Santos aproveitaram a visita para entregar um ofício ao prefeito e vereadores presentes solicitando a reforma da escola e cobertura da quadra esportiva.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA