Piscinão X Infra Verde

0
612

A Prefeitura lançou em novembro um edital para PPP (Parceira Público-Privada) que prevê a construção de 5 piscinões de drenagem localizadas em praças e áreas verdes da cidade, sendo uma a Praça Rio dos Campos, na Pompéia e outra, São Crispim, na Lapa. A empresa escolhida terá a concessão destes espaços públicos por 33 anos. Foi convocada audiência pública no dia 22/11, no qual a população não foi comunicada. Além disso, o edital não apresenta os estudos técnicos sobre a localização e capacidade dos piscinões.

Essa solução de drenagem é ultrapassada, paliativa, não sustentável e agressiva para a cidade. O desmatamento das praças dará lugar a uma infraestrutura de concreto poluída.

No caso da Praça São Crispim, há o coração do Rio Tiburtino canalizado e tal medida enfartará sua bacia. As obras desvalorizam o bairro, atrapalham o trânsito e quando prontas, podem gerar doenças e mau cheiro por conta da água parada.

As enchentes não podem ser ignoradas. Por isso, apostamos na infraestrutura verde que maneja a água a partir de intervenções ecológicas, econômicas e sustentáveis em toda a bacia. Esta solução reestabelece as funções da natureza para dentro da cidade, além de trazer ganhos sociais. Ex.: jardins de chuva e as calçadas permeáveis.

Portanto, devemos cobrar do poder público uma solução de drenagem que permeabilize a cidade, trate as águas e garanta a participação social.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA