Escola da Lapa vira referência de ecoponto

0
645

Foto: Divulgação

Divulgação
Alunos da Escola Estadual Alfredo Paulino ao lado do ecoponto

A Escola Estadual Alfredo Paulino, localizada na Rua Caativa, no Alto da Lapa, desenvolve há três anos um projeto de sustentabilidade com os alunos que também envolve a comunidade. A unidade de ensino conta com um ecoponto cadastrado no TerraCycle, iniciativa que trabalha com várias empresas que recolhem resíduos para transformá-los em novos objetos. Oito tipos de materiais são coletados na escola e ganham uma nova utilidade, por exemplo materiais de escrita que vão para a Faber-Castell que os transforma em objetos que utilizam plástico de baixa qualidade, como partes de cabos de vassoura, esponjas que são encaminhadas para a Scotch-Brite, meias que pela empresa Puket são transformadas em cobertores, entre outros.

Uma inspiração para a iniciativa foi o trabalho da escritora Cláudia Lima, idealizadora da campanha “Por Amor ao Mar”, que visa reduzir os copos plásticos nas instituições. “Eu trouxe uma disciplina de auxílio à alfabetização com os livros da Cláudia. A nossa escola, por meio dessa campanha da escritora, recebeu certificados por dois anos seguidos da ONU Meio Ambiente e zerou o uso de copos descartáveis”, ressalta a idealizadora do projeto do ecoponto Kaihira Hayek, professora de educação física.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA