De volta ao jogo

0
283

Nosso retorno ao que será uma “vida normal” deu mais um passo essa semana, mas não foi bom. Os jogos de futebol suspensos desde o começo da pandemia voltaram e, com eles, o injustificável vandalismo. Entendemos que os ânimos não são dos melhores, depois de tanto tempo confinados e com tudo aquilo que eram nossas válvulas de escape, seja a cultura, o lazer ou o esporte parados, a comoção fica à flor da pele. Mas nunca foi ou será aceitável um ato de vandalismo como o que ocorreu na sede do Palmeiras após o jogo de quarta-feira. Devíamos valorizar que as coisas que nos fazem vibrar e geram alegria estão começando a voltar e apreciar com segurança as possibilidades que temos de esquecer, por algum tempo, as dificuldades da rotina.

Outro assunto que esteve em discussão essa semana na Câmara Municipal é a retomada das aulas. Será realizada uma audiência pública para discutir os protocolos de saúde e o encontro que acontecerá de forma virtual será na terça-feira (28), às 11h, e todos que se inscreverem podem enviar sugestões e críticas. A previsão do Governo do Estado de São Paulo é que as atividades escolares retornem presencialmente no dia 8 de setembro. Na quarta-feira (29), após a audiência, o plenário deve votar a proposta.

Lógico que vivemos um momento atípico, mas é complicado pensar em um protocolo de segurança no local onde as crianças mais do que aprender conteúdos didáticos, se desenvolvem como pessoas. A convivência social talvez seja uma das coisas mais importantes que uma escola oferece. E se professores já tinham dificuldades em disciplinar alunos, será um grande desafio fazer cumprir os cuidados de saúde necessários. Por mais que pais estejam aflitos com todos os problemas do ensino à distância ou mesmo com a ausência dele, talvez esperar mais não seja má ideia.

Novamente a Lapa recebeu a ação de desinfecção de ruas em parceria com uma rede de farmácias. Não necessariamente com o hipoclorito de sódio, mas mobilizações como essa poderiam continuar e ser ampliadas após a pandemia. Todos, pessoas físicas, jurídicas e entes públicos, devem colaborar para termos ruas sempre limpas e bem cuidadas.

A expectativa também é grande quanto aos testes da vacina contra o coronavírus que foram iniciados. Sabemos que ainda vai demorar para que a vacina esteja à disposição de todos, mas com a imunização poderemos ter tranquilidade e voltar de vez às nossas rotinas. Ao menos até a próxima pandemia…

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA