Debutante da informação

0
3423

Todo mundo publica, critica, denuncia e acusa nas páginas das redes sociais, numa época que se estimula o narcisismo, o individualismo e selfies. Nesse quadro se revela uma explosão de opiniões conflitantes e versões contaminadas pelo olhar e interesse pessoal, num turbilhão de registros.

O espaço virtual é assim, um local de ânimos, com frequência exacerbados, onde muitos se escondem atrás da tela do computador ou do celular para escrever o que bem entendem sem medir qualquer consequência. Apesar da facilidade e rapidez no trânsito de informações, nem sempre o que se encontra na internet é o retrato da verdade, da realidade. O desafio do bom jornalista é fazer a curadoria dessas informações, do que interessa ao leitor com apuração imparcial, ética. A cada edição do Jornal da Gente, a equipe de redação apura, checa cada fato importante para o leitor.

Nesses 15 anos do Jornal da Gente, muitos profissionais passaram pela redação. Há 10 estou aqui. Com uma equipe enxuta de redação, que além da editora e do diretor Ubirajara de Oliveira, conta com o trabalho da jornalista Bárbara Dantine, na apuração dos fatos, do fotógrafo Tiago Gonçalves e da mestre em diagramação Beatriz de Oliveira, que coloca seu conhecimento e competência em projetos gráficos como esse que chega ao leitor.

O processo de fazer e de apresentar o jornal muda com o passar do tempo, mas a forma de apurar a notícia continua a mesma. É preciso checar, checar e checar antes da publicação. Foram muitas matérias da primeira edição até hoje. Todos os profissionais que passaram pelo JG escreveram um pouco de seus 15 anos de história. Só sobre a luta da comunidade pela reabertura do Hospital Sorocabana já se vão seis anos de abraços ao prédio, reuniões com secretários e promessas como a do prefeito Fernando Haddad (PT) – de reabertura do hospital – que não saiu do papel. Com isso, a região continua sem leitos pelo SUS. A luta continua com expectativa que o prefeito João Doria atenda o clamor da comunidade e reabra o Sorocabana.

Os encontros Café com Política, Café com a comunidade e À Mesa com Empresários realizados pela Página Editora e o JG aproximou moradores de entidades e políticos, fortalecendo as relações sociais. Na contramão da crise foi lançado o JG Farol, novo periódico que chega a sua 4ª edição temática, a de Páscoa. São 15 anos de história retratando a vida em comunidade, com notícias boas e outras nem tanto. Se reinventando na fase de debutante, o Jornal da Gente se firma a cada edição como o principal canal de comunicação regional. Nessa edição iniciamos um novo ciclo (o 16º ano de circulação) com depoimentos de leitores, anunciantes, presidentes de entidades e políticos sobre nosso trabalho. Manifestações que reafirmam ainda mais nosso compromisso de oferecer informação ética e imparcial para fortalecer cada vez mais as relações sociais, a formação de opinião e surgimento de novas associações e lideranças.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA