Arnaldo Jardim apresenta projeto para Novo Centro de Abastecimento

0
1050

Foto: Tiago Gonçalves

Tiago Gonçalves
Arnaldo Jardim, vereador Paulo Frange e representantes da Ceagesp

O secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, Arnaldo Jardim, participou do Café com a Comunidade, evento promovido pelo Jornal da Gente, com apoio da ACM Lapa e Yano Gastronomia, que reuniu 92 pessoas na quarta-feira (16). Jardim falou aos representantes de entidades e empresários da região sobre o projeto para um novo centro de abastecimento.

Participaram do evento Carlos Fernandes, prefeito regional da Lapa, Pedro Horta, gerente de entrepostos da Capital, que representou o presidente da Ceagesp Johnni Hunter Nogueira, os vereadores Fábio Riva e Paulo Frange, o deputado estadual Marcos Zerbini, e o ex-prefeito regional de Perus, Eduardo Rosmaninho. Fábio Riva manifestou sua preocupação com o destino dos permissionários da Ceagesp, e Paulo Frange falou da importância de requalificar a área de 700 mil m² do entreposto para atender as necessidades do município.

O projeto foi apresentado por Arnaldo Jardim e pelo seu secretário adjunto Rubens Rizek, que afirmou que a iniciativa privada sozinha não conseguira arcar com todas as responsabilidades que um entreposto gera. “Se colocar na conta, no fluxo financeiro, as obrigações sociais, ambientais, obrigações ao consumidor, qualificação de mão de obra, requalificação do entorno, educação do entorno, para obrigar que isso aconteça e fiscalizar, é um modelo de concessão. Se for puramente privado não tem como garantir que isso aconteça. Na concessão você equaliza, você equilibra financeiramente o empreendimento, no privado não, ele é obrigado a cortar custos”, declara.

O novo centro de abastecimento irá englobar outros produtos além dos que já são comercializados na Ceagesp, como cereais, insumos, equipamentos e embalagens, com capacidade para receber 50 mil pessoas por dia e ter uma circulação de 7 milhões de toneladas de mercadorias por ano.

Segundo Rizek, a ideia é instalar o novo entreposto no trecho oeste do rodoanel Mário Covas, com um investimento previsto de R$ 1,1 bilhão. Em meados de setembro será lançado o chamamento das propostas, que serão analisadas até março de 2018.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA