Benko assume política como vocação

0
416

Foto: Raissa Sousa

Raissa Sousa
Laércio Benk, esteve no Jornal da Gente na terça-feira (25), onde falou sobre o partido e a campanha

O candidato ao cargo de deputado federal pelo PHS, Laércio Benko, esteve no Jornal da Gente  na terça-feira (25), onde falou sobre o partido e a campanha. Benko foi eleito como vereador em 2012. Na Câmara, presidiu as CPIs da Sabesp, das Torcidas Organizadas e Exploração Infantil. O candidato é contrário à reeleição de parlamentares, portanto não se candidatou para o cargo de vereador ao final do mandato. Em 2016 assumiu a Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo, onde ficou até setembro de 2017, quando foi exonerado pelo então governador Geraldo Alckmin. Em seguida, Benko assumiu a presidência do PHS de São Paulo. É também vice-presidente nacional do partido.

Para as eleições deste ano, Benko espera receber entre 70 mil e 80 mil votos e acredita que será eleito.  O PHS fez coligação com o Podemos de Renata Abreu e Marcos Feliciano. Benko discorda do trabalho de parlamentares que atuam como “despachantes” de uma determinada região ou bairro, e afirma que na assembleia pretende levar adiante o combate à exploração infantil e propor políticas que estimulem a economia criativa e geração de empregos. O candidato também fala da importância de se modernizar a educação. “Precisa trazer a educação para o século 21. Os pais colocam celulares e tablets na mão de uma criança de dois anos e, depois, quando ela chega à escola precisa ficar com um quadro negro e giz. Depois falam que ela tem déficit de atenção. Nossas salas de aula são obsoletas”, afirma.

Sobre seu irmão, Leandro Benko, chefe de gabinete do prefeito regional Carlos Fernandes que pediu afastamento após a publicação de uma matéria da CBN, em agosto de 2017, que revelou um esquema para a liberação de publicidade ilegal em diversas prefeituras regionais, inclusive a da Lapa, Laércio afirma que não existem provas contra o seu irmão e que o esquema era comandado por um funcionário de carreira da regional que havia sido afastado antes da divulgação da matéria. Leandro Benko agora trabalha no partido junto com Laércio.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA