Conseg Leopoldina discute zeladoria e trânsito

0
871

Foto: Bárbara Dantine

Bárbara Dantine
Subprefeito Carlos Fernandes participa de reunião com moradores

Na reunião do Conselho Comunitário de Segurança (Conseg) da Vila Leopoldina, realizada na quarta-feira (28), as demandas de zeladoria foram as mais cobradas pelos moradores. O encontro contou com a presença de Celso Gioia, presidente da OAB Subseção Lapa, que realizou uma palestra sobre ética, e do subprefeito da Lapa Carlos Fernandes, que falou sobre as ações realizadas na região, execução orçamentária e projeto City Câmeras.

O público que estava presente aproveitou a oportunidade, com a presença do subprefeito, para cobrar demandas de zeladoria. Um morador questionou qual o critério para a realização do programa Asfalto Novo e citou o caso da Rua Carlos Weber. Segundo o morador, a rua que recebeu o recapeamento não era a que tinha maior necessidade na região da Vila Leopoldina. Ele também solicitou sinalização para a CET na Rua Passo da Pátria, próximo a escolas, onde carros passam em alta velocidade. Foi pedida a poda de árvores que ficam na frente da ACM Lapa e denunciada a ocupação de via pública para evitar o estacionamento de veículos na Rua João Tibiriçá.

Moradores da Rua Tomé de Souza questionaram se seria possível a retirada da ciclovia e Zona Azul no trecho residencial da via, e pediram melhorias de iluminação nas praças da City Lapa. Foi questionado se haveria recapeamento e pedida a manutenção de praças na Vila Anastácio. Também foi perguntado o prazo da obra do reservatório de águas pluviais que está em andamento na região do Cemitério da Lapa. Segundo um morador, a placa indicava que o processo terminaria no dia 1º de novembro. Carlos Fernandes afirmou que a previsão da obra é de oito meses, mas que verificaria o prazo com o órgão responsável que é a Siurb. Em outubro, a subprefeitura divulgou que as obras tiveram início no dia 13 de agosto, com previsão estimada de conclusão em 120 dias, por volta do dia 10 de dezembro.

Após escutar as demandas, Fernandes respondeu os questionamentos. Sobre o programa Asfalto Novo, afirmou tratar-se de uma ação que será realizada durante os quatros anos da gestão municipal e que as vias contempladas são escolhidas considerando critérios como estrutura viária, fluxo de veículos e rota de transporte público. Já sobre a ciclovia da Rua Tomé de Souza, o subprefeito falou que está em andamento a discussão da implementação do novo plano cicloviário. Celso Gioia e Carlos Fernandes foram homenageados por associações e pelo Conseg na reunião.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA