CPM discute Arco Pinheiros

0
966

Foto: Bárbara Dantine

Bárbara Dantine
Conselho Participativo Municipal da Lapa recebe apresentação da SP Urbanismo

Apesar da extensa pauta prevista para a reunião do Conselho Participativo Municipal da Lapa, na quinta-feira (9), dois temas tiveram destaque: o show do BTS que acontece no final do mês no Allianz Parque e a apresentação do Projeto de Intervenção Urbana (PIU) Arco Pinheiros.

Fãs da banda coreana que se apresenta nos dias 25 e 26 no estádio do Palmeiras, cientes de que moradores criticaram o acampamento montado na Praça Conde Francisco Matarazzo Junior, explicaram como estão se revezando no local. Eles informaram que nenhum menor de idade fica no local no período noturno e expuseram demandas que vão de encontro às apresentadas pelos moradores em outras reuniões, como o fato do Allianz Parque não oferecer estrutura para abrigar os fãs, a possibilidade de venda de ingressos em outros locais além da bilheteria e abertura dos portões mais cedo em dias de show. Também falaram das necessidades de zeladoria na praça, como iluminação e limpeza.

Em seguida, Anna Barros que é arquiteta e coordenadora do Projeto de Intervenção Urbana (PIU) Arco Pinheiros apresentou as intervenções propostas para a região. Os conselheiros apresentaram diversas questões, como o impacto no preço de produtos de hortifruti com a mudança da Ceagesp para um local mais distante, falta de mecanismos que garantam o controle social, padrão de certificação ambiental, patrimônio histórico que deve ser preservado, enterramento da fiação elétrica, necessidade de reforma das ciclovias e atendimento habitacional para as famílias do Jardim Humaitá. Representantes do Movimento Diogo Pires, do Jaguaré, cobraram por moradias que foram prometidas para cerca de 350 famílias há mais de dez anos e nunca foram entregues. O PIU Arco Pinheiros poderá receber contribuições até o dia 23 de maio no site Gestão Urbana.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA