Grupo planeja fórum sobre pessoas em situação de rua na Lapa

0
145

Foto: Bárbara Dantine

Bárbara Dantine
Fórum irá discutir políticas de inclusão com moradores e entidades da Lapa

Roberto Gertrudes, administrador do Mercado Municipal de Pinheiros e presidente da Associação XI Garotos da Lapa, organizou uma reunião na quarta-feira (29) para discutir a questão da população em situação de rua na região. O objetivo é formar um grupo com entidades da Lapa e realizar um fórum ainda no primeiro semestre do ano para promover ações e políticas públicas em prol dos direitos humanos.

A reunião contou com a apresentação de Vilmar Rodrigues, um dos fundadores do Movimento Nacional da População em Situação de Rua de Curitiba. Ele falou sobre suas experiências e vivências durante o tempo em que esteve na rua, tanto em São Paulo como em Curitiba, e o trabalho que posteriormente foi desenvolvido em parceria com o Ministério Público do Estado do Paraná. Um dos exemplos foi a ação para evitar o encaminhamento compulsório de pessoas em situação de rua durante os jogos da Copa de 2014 na capital paranaense. “Há dez anos éramos invisíveis na sociedade e hoje somos um fenômeno. Além de ter os nossos direitos respeitados, precisamos de inclusão. Não adianta ter diplomas em cursos e não conseguir emprego depois. Da mesma forma, não estamos mais lutando pela criação de albergues. Queremos moradia para que a população de rua possa ter sua casa própria e sua família. É um processo”, afirma Rodrigues.

Ao final, Juliana Acósta da Ade Sampa apresentou o trabalho da agência que atua em várias áreas para promover o desenvolvimento econômico local, com capacitações, cursos e vagas para pessoas em situação de vulnerabilidade.

Segundo o Censo da População em Situação de Rua, lançado pela Prefeitura na sexta-feira (31), a população de rua na cidade chegou a 24.344 pessoas em 2019, um aumento de 60% em quatro anos.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA