Projeto quer revitalizar praça da Pompeia

0
957

Foto:

Projeto Se liga na praça pretente promover o uso da Praça Conde Francisco Matarazzo

Quem passou em frente à Praça Conde Francisco Matarazzo na quarta-feira, 11, percebeu um movimento diferente, com música, barracas de comida e muita gente curtindo o espaço verde da região. Trata-se da primeira ação do projeto Se liga na praça, capitaneado pelo Movimento Boa Praça, pela Acupuntura Urbana e o site Atados. “As três entidades ganharam o edital Redes e Ruas da Prefeitura de São Paulo para realizar o projeto, que entre outras ações está a revitalização desta praça”, explica Carolina Tarrio, do Movimento Boa Praça. Os comerciantes convidados são do entorno e também ajudaram na missão de divulgar a ação aos seus clientes.

Além almoçar e curtir este espaço verde fechado, os visitantes puderam sugerir melhorias e ações interessantes para aumentar o fluxo de pessoas na praça. “É um espaço maravilhoso, que queremos saber por que não está sendo usado e o que faria elas virem mais aqui. E a hora do almoço é excelente para vir aqui relaxar, ler um livro. Esta é uma primeira ativação, e vamos promover um happy hour na quinta-feira, 19, às 18h, para ver se teríamos um novo público”, explica Carolina. A intenção do projeto é, ao final, ter uma agenda de ocupação do espaço decidida em conjunto com moradores, comerciantes e poder público. Entre as ações estudadas está a retirada dos alambrados que cerca a praça.

O almoço na praça conquistou quem passou pela area verde. “Às vezes precisamos de um local para descansar na hora do almoço e a praça muitas vezes está suja, insegura e malcuidada e isso não nos incentiva a entrar”, explica Hernandes Silva de Moura, assistente de logística do jornal Valor Econômico, que fica próximo à praça. “Acho que é a utilização mais correta de um espaço público. Se estamos em crise, acredito que usar a luz natural, deixar o ar condicionado, são ações importantes para reduzir custos. Estou achando até que está mais barato comer aqui hoje”, afirma Gledson Batista, executivo de contas do Valor Econômico. A intenção do projeto é promover os almoços semanalmente, às quartas-feiras.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA