ACSP recebe apresentação sobre obras e projeto do Viaduto da Lapa

0
448

Foto: Reprodução

Reprodução
Fernanda Galdino apresenta obras realizadas pela subprefeitura durante sua gestão

Recentemente a Distrital Oeste da Associação Comercial de São Paulo recebeu uma apresentação da subprefeita da Lapa, Fernanda Galdino. No encontro, Fernanda disse que assumiu a gestão na metade do ano passado e apresentou as principais obras realizadas neste período no distrito da Lapa. Também, anunciou que todo o entorno do Viaduto da Lapa será revitalizado.

A administração regional investiu o valor de R$ 8.579.585,78, o que representa 60% do orçamento total. Entre as principais intervenções estão a revitalização das praças Oswaldo Zanini, John Lennon, a reforma de vielas no Alto da Lapa, da passagem subterrânea que liga as ruas Doze de Outubro e William Speers e o estudo com a tomografia de árvores para verificar sua saúde e necessidade de manutenção.

Sobre o Viaduto Comendador Elias Nagib Breim (Viaduto da Lapa) e adjacências, a Subprefeitura Lapa assinou o contrato de concessão de uso, a título oneroso, das áreas no dia 13 de abril deste ano. O consórcio vencedor foi o Viva a Lapa, formado pelas empresas Urbacom Consultoria e Participações Ltda. e Nacional Shopping e Planejamento e Reestruturação de Shopping Center Ltda., com a outorga de R$ 15.829,00, valor que será ajustado aos índices de adicional de ocupação e desempenho, segundo os parâmetros e resultados da exploração econômica. O contrato tem validade de dez anos e o valor mínimo exigido pelo município era de R$ 1.582, ou seja, houve 900% de ágio. O Consórcio Viva a Lapa pagará ao município R$ 1.500 por mês de aluguel e poderá explorar comercialmente a área, locando espaços.

Entre as obrigações do concessionário estão implantar câmeras de vigilância, realizar varrição dos espaços, instalar um equipamento de esporte, recreação e lazer, executar duas atividades de interesse coletivo por mês e ainda, caso realize eventos para mais de 250 pessoas, fornecer sanitários. Também será responsabilidade do consórcio a drenagem da Toca da Onça. Na edição de 28 de abril do Diário Oficial do Município foi publicado o despacho do contrato entre a Prefeitura e o concessionário, no valor de R$ 10.355.057,00. Já na edição do dia 7 de maio, foi publicada a comissão de gestão e monitoramento do contrato de concessão, formada por Renato Astorino, Mariane Simões Pereira, Thauani Helisa Ruiz Domingos e Rogério Marin. Entre outras funções, cabe à comissão acompanhar e avaliar as atividades desenvolvidas no escopo do contrato de concessão, manifestar-se sobre o relatório de prestação de contas a ser apresentado pela concessionária, elaborar relatório de acompanhamento das atividades e justificar os descontos possíveis com relação ao pagamento da contraprestação mensal, fazer a interlocução entre a Subprefeitura Lapa e a concessionária, zelar pelo cumprimento do contrato e do plano de ocupação proposto pela concessionária.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA