433 anos são comemorados com baile no União Fraterna

0
814

Foto: Consuelo Fernandez

Consuelo Fernandez
Festa reuniu comunidade, entidades e políticos

Uma festa ao estilo dos velhos tempos e que marcou a retomada dos grandes bailes que agitavam o salão nobre do União Fraterna. Assim foi a comemoração do aniversário de 433 anos da Lapa em evento organizado na terça-feira, 10, pela Subprefeitura Lapa, Jornal da Gente e União Fraterna.
A festa reuniu representantes das principais entidades da região – Rotary Lapa, Associação Comercial Distrital Oeste, OAB Lapa, APAS, Consabs e AVL, além do Mercado Municipal da Lapa. Também marcaram presença diversos políticos e autoridades, entre eles o subprefeito da Lapa, Ismar de Freitas Neto, os vereadores Paulo Frange (PTB) e Fábio Riva (PSDB) e o secretário adjunto da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer, Claudinho de Souza.
Ao ressaltar a importância da festa, o diretor da Página Editora e do Jornal da Gente,Ubirajara de Oliveira, fez questão de lembrar que a escolha do União Fraterna como sede do evento teve um significado especial. “Esse prédio histórico, tombado pelo patrimônio, é um símbolo da Lapa. Por isso a festa não poderia acontecer em outro lugar”.
Para o subprefeito Ismar de Freitas Neto, o bairro tem uma importância histórica para a cidade, contribuindo de forma determinante para o desenvolvimento econômico do município. “É bonito de ver o orgulho e o carinho que os lapeanos têm pelo bairro, que mostra hoje um crescimento importante, principalmente do ponto de vista imobiliário”, disse ele que, na festa, recebeu como homenagem uma placa reconhecendo suas ações de fortalecimento da vida comunitária
Lembrando que a Lapa foi o primeiro bairro pelo qual passou quando chegou a São Paulo, nos anos 70, vindo de Uberaba (MG), o vereador Paulo Frange destacou que a região representa o extrato da cidade, reunindo pessoas de diversas classes sociais em áreas de contrastes urbanos. “Temos aqui os prédios de luxo, as habitações populares e um comércio pujante”. Na mesma linha de Frange, o vereador Fábio Riva, que é morador da região, destacou que a Lapa é a locomotiva da Zona Oeste, tendo impulsionado o desenvolvimento econômico de toda essa área da cidade. “Agora precisamos garantir na Câmara habitação digna para a população mais vulnerável da região”, destacou.
Como responsável pela administração dos espaços de esportes e lazer da cidade, o secretário Claudinho de Souza fez questão de salientar que a região possui um dos melhores equipamentos públicos de São Paulo nesse segmento. “O Pelezão é um orgulho para a cidade. Além dele, a Prefeitura vem investindo na ampliação das áreas de esportes e lazer na região, visando sempre a qualidade de vida da população”, explicou.
Ao final do evento, o CEO da Alfa Realty e mantenedor do União Fraterna, Eudoxios Anastassiadis, e a família Zanfelice, uma das mais tradicionais do bairro, foram homenageados com o símbolo do Marco da Paz, idealizado por um outro morador da lapa, o italiano Gaetano Brancati Luigi, assessor especial da Associação Comercial de São Paulo. Outra homenageada foi a secretária Valdelice Silva, funcionária do União Fraterna, que após 43 anos de serviços prestados vai se aposentar.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA