Paulo Skaf inaugura nova área em Senai da Vila Leopoldina

0
759

Foto: Bárbara Dantine

Bárbara Dantine
Paulo Skaf fala da importância do investimento em educação

O presidente da Fiesp e do Senai- SP, Paulo Skaf, esteve na Vila Leopoldina na quinta-feira (19) para a inauguração do Centro de Treinamento em Equipamentos Médico-Hospitalares da unidade Senai Mariano Ferraz. A área contou com um investimento de R$ 8,6 milhões e foi implementada em parceria com a GE Healthcare. A estrutura conta com laboratório de centro cirúrgico, laboratório de simulação de manutenção de tomógrafo e ressonância magnética, laboratório de mamografia, de ultrassom, de informática, laboratório de imagens médicas e sala de instrução. O objetivo da unidade é capacitar os alunos para a realização de diagnósticos de imagem e atendimento de suporte à vida, e assim oferecer mão de obra qualificada para o mercado de trabalho na área da saúde.

O centro, que opera desde 2015, já desenvolveu mais de 40 cursos de portfólio, entre eles o de capacitação clínica em tomografia computadorizada, proteção radiológica, anatomia, fisiologia e doenças da mama, densitometria óssea e manutenção de sistemas de ultrassom.

Walter Vicioni, diretor regional do Senai-SP, agradeceu a parceria com a GE. “A empresa teve como um de seus fundadores Thomas Edison e é um exemplo a ser seguido”, diz. Também participaram do evento Daurio Speranzini Junior, CEO da GE na América Latina, e Ruy Baumer, filho do patrono e fundador do Grupo Baumer, Manoel Amaral Baumer, que dará nome ao Núcleo Odonto-Médico-Hospitalar da unidade.

Paulo Skaf falou da importância do investimento em educação. “Vivemos a quarta revolução industrial, a era da inteligência artificial. Não podemos prever quais serão as profissões nos próximos dez anos, e certamente 70% delas são desconhecidas, mas uma coisa é certa, educação básica de qualidade vai preparar essa nova geração para se adaptar a qualquer realidade que venha acontecer nos próximos anos”, declara. Pré-candidato ao governo do Estado de São Paulo pelo MDB, Skaf foi questionado sobre a viabilidade de levar o modelo e estrutura do Senai e e Sesi para a rede pública de ensino. “Se pegar o orçamento do Sesi e do Senai,  é cem vezes menor que o do governo. Quem tem cem vezes mais orçamento, é uma questão de gestão, prioridade, vontade política e coragem para fazer as coisas. É possível e necessário. Não podemos aceitar a ideia da escola pública não ter qualidade”, afirma.

O Senai Mariano Ferraz realizou no ano passado 14.538 matrículas em todas as modalidades de ensino oferecidas, e 2.592 da nova área. A escola também oferece cursos na área de automação, automotiva, eletroeletrônica, gestão, logística, metalmecânica, metalurgia, segurança do trabalho e tecnologia da informação.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA