Violência no Brasil é tema de peça no Cacilda Becker

0
913

Foto: Leekyung Kim

Leekyung Kim
Depoimentos reais baseados em entrevistas conduzem o espetáculo

Baseado em depoimentos reais de uma pesquisa iniciada na oficina de verbatim, técnica de teatro documentário que consiste em reproduzir testemunhos em cena, ministrada pelo diretor e dramaturgo Herbert Bianchi em 2017, o Projeto Revide leva ao Teatro Cacilda Becker um texto de Letícia Sobral que investiga a violência no Brasil.

Foram feitas mais de 50 entrevistas com pessoas de diferentes lugares, origens e profissões, e o espetáculo reproduz os depoimentos como o de uma aposentada que não sai mais de casa, um ex-integrante de uma facção criminosa, um policial condecorado duas vezes, uma deputada que pretende armar a população, um ex-viciado que esfaqueou a mulher e um jovem sonhador que vive na região mais violenta da cidade.

Combinando as entrevistas com fatos históricos, a peça desarquiva alguns casos que marcaram a trajetória do país. No elenco estão Ariana Slivah, Carlos Moreno, Letícia Sobral, Lucas Penteado, Marina Santana, Silvia Suzy e Rodrigo Caetano.

A temporada fica em cartaz de 3 a 25 de agosto, com apresentações aos sábado, às 21h, e domingos, às 19h. A entrada é gratuita com ingressos distribuídos uma hora antes de cada sessão. O Teatro Cacilda Becker fica na Rua Tito, 295.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA