Fiscalização da subprefeitura recebe reforço

0
390

Foto: Bárbara Dantine

Bárbara Dantine
Leo Santos apresenta balanço do primeiro semestre na reunião do CPM Lapa

O subprefeito da Lapa Leo Santos apresentou um balanço das ações realizadas no primeiro semestre durante a reunião do Conselho Participativo Municipal (CPM) da Lapa na quarta-feira (14).

Leo Santos falou dos eventos realizados na região, como a Feira das Cem Minas, os Mutirões de Saúde na Rua Doze de Outubro, as edições do Agita Sumaré e o carnaval, que trouxe 700 mil pessoas para a Lapa. O subprefeito elogiou a organização das festas de rua e disse que, para o ano que vem, irá estudar uma forma de diminuir o impacto para os moradores da Avenida Marquês de São Vicente e entorno do Metrô Barra Funda.

Também foram apresentados dados como a realização de 29 remoções de veículos abandonados, 1898 podas de árvores, 235 plantios de mudas, 421 remoções de árvores, 3290 tapa-buracos e 147 mil kg de materiais retirados durante a Operação Cata-Bagulho. Foram feitas 2262 apreensões, incluindo as do comércio ambulante irregular realizado no entorno do Allianz Parque. O subprefeito anunciou a criação de novas áreas verdes na Lapa, com o objetivo de tornar o solo mais permeável. Está prevista a criação de áreas verdes nas três rotatórias da Rua Fábia, na Vila Romana.

Ao final da apresentação, os conselheiros apontaram ocorrências de comércio irregular em áreas de postos de combustível, próximos ao Allianz Parque. Leo Santos afirmou que muitos ambulantes se instalam nesses locais por saberem que se trata de terreno particular, onde as equipes de fiscalização não podem atuar, mas relata que já está em estudo uma forma de agir nestes casos. Foi anunciado que a fiscalização na região ganhará um reforço. “A partir da semana que vem vamos receber duas novas equipes. Hoje eu tenho uma que trabalha durante o dia e uma que trabalha à noite, então vamos dobrar o número de fiscais. Também vamos receber duas outras equipes para atuar em dias de evento”, declarou Leo Santos.

Questionado sobre o que acontecerá com a área que era ocupada pela comunidade do Jardim Humaitá, onde foi feita a reintegração de posse, Leo Santos afirma que na parte que pertence à Prefeitura, será solicitado o registro da “piscininha” que existe no local, para que a subprefeitura receba os recursos para realizar a limpeza.

Sem quórum nas reuniões passadas, nesta semana os conselheiros conseguiram as presenças necessárias para realizar votações. Foi votada a perda de mandato de quatro conselheiros que tiveram pouca ou nenhuma presença nos encontros, nem apresentaram justificativas para as faltas. Também foi feita a votação para a coordenação do grupo durante o segundo semestre de 2019. Foram eleitos Pedro Nabuco como coordenador e Jacqueline Sotanyi Araujo como suplente, Antonio Zagato como secretário e Alice Fabri como suplente.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA