Moradores questionam obra na Vila Anastácio

0
357

Foto: Reprodução

Reprodução
Novo piso fez com que ônibus raspassem teto no pontilhão

A Avenida Raimundo Pereira de Magalhães recebeu obras no seu meio-fio, em toda a extensão, do pontilhão próximo ao 21º Depósito de Suprimento até à Marginal Tietê. Alguns moradores e motoristas questionaram a realização da obra, que além de causar muito trânsito na região, poderá ter que ser refeita por causa das intervenções de drenagem e alargamento da via que fazem parte do projeto da Ligação Viária Pirituba-Lapa. As obras da ponte foram suspensas pela Justiça até que seja feita a elaboração de um novo Estudo de Impacto Ambiental (EIA) e seu respectivo Relatório de Impacto Ambiental (RIMA), dadas as alterações sofridas pelo projeto, além de outras incongruências e irregularidades.

A Prefeitura afirma que a obra é um recapeamento que já estava previsto e não tem relação com as intervenções do projeto da ponte.

Com o recapeamento no pontilhão, embaixo da passagem da linha da CPTM, usuários do transporte público divulgaram vídeos de ônibus que passaram no local, que já era estreito, e que foram danificados ao raspar o teto na passagem.

Para evitar a ocorrência das raspagens, nove linhas de ônibus efetuaram desvios de itinerário no trecho do pontilhão, deixando de passar em seis pontos nos sentidos centro e bairro.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA