Dengue explode na região da Subprefeitura Lapa

0
493

Foto: Divulgação

Divulgação
Prefeito anuncia novas ações de combate à doença

A Coordenadoria de Vigilância em Saúde (Covisa) registrou aumento significativo de casos de dengue nos distritos da Subprefeitura Lapa.

No Distrito Lapa, até a oitava semana epidemiológica de 2024, haviam sido registrados 212 casos da doença. Já na nona semana esse número deu um salto expressivo, aumentando para 385, ou seja, 173 novos casos (+82%).

Nesse mesmo período, no Distrito Vila Leopoldina o número de casos da doença dobrou no intervalo de sete dias: 74 casos diagnosticados na oitava semana e 148 na semana seguinte.

No Distrito Perdizes, que abraça a Vila Pompeia, até a oitava semana epidemiológica a Covisa contabilizava 172 casos. Na nona semana esse número subiu para 244, ou seja, 72 casos novos casos (+42%).

Na região Vila Jaguara a situação é muito crítica, com 236 casos diagnosticados no intervalo de sete dias. Entre os 96 distritos da cidade, a Vila Jaguará é a primeira colocada quando a Covisa contabiliza o número de casos por 100 mil habitantes.

A cidade de São Paulo contabiliza, até agora, oito mortes registradas por dengue, sendo 31 o número de distritos nos quais a doença tornou-se endêmica.

Na quarta-feira, 13, o prefeito Ricardo Nunes anunciou novas ações com o objetivo de combater o avanço da dengue na capital. Serão investidos R$ 240 milhões na ampliação do horário de funcionamento das AMAs, contratação de 500 médicos para reforçar o atendimento nas unidades de saúde, mais 30 caminhonetes para nebulização e a inclusão de 3.200 agentes do (POT) Programa Operação Trabalho.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA