As duas faces da Leopoldina

0
190

É surpreendentemente positivo observar como a Leopoldina, que até pouco tempo atrás tinha como cenário velhos galpões e a enorme ‘caixaria’ que servia à Ceagesp, vem, cada vez mais, dando lugar à badalação gastronômica. Recentemente, grifes como o Peccorino, de culinária italiana, a rede de sorveterias premium Baccio de Latte e o premiadíssimo Mocotó, do chef Rodrigo Oliveira, aportaram aqui na região, para deleite do público, que mantendo esses pontos sempre lotados, alimenta o sucesso dos mesmos, atraindo a atenção de outros empresários do ramo para o bairro.

O último a ‘sucumbir’ ao irresistível charme da Leopoldina – e ao inegável poder aquisitivo de parte de seu público – foi nada menos do que o empresário Marcos Kherlakian. Para quem não sabe, Kherlakian é o CEO no Brasil da Carlo’s Bakery, famosa nos Estados Unidos por servir de cenário para os episódios de Cake Boss, apelido do mágico dos bolos Buddy Valastro. Pois é, neste final de semana o bairro ganhou uma loja da Carlo’s Bakery e quem mora na região vai poder experimentar as delícias da confeitaria de Valastro – que inclui de cannolis a cupcakes, além de bolos exclusivos – bem ao lado de casa.

Por essas e outras é que eu sempre digo que andar pela Leopoldina é uma delícia. E, sob o ponto de vista da infraestrutura de comércio e de serviços que o bairro vem ganhando, fica cada vez mais prazeroso. Mas, infelizmente, circular pela região também pode implicar em passar por uma situação traumática. É isso o que vemos nos inúmeros relatos de moradores nos grupos do Facebook e Instagram que passam pela terrível experiência de um assalto ou roubo, inclusive com agressões físicas, andando pelo bairro.

Na última terça-feira, uma das vítimas da violência que se espalha por aqui foi o padre Flávio Heliton, pároco da Nossa Senhora de Lourdes. Por volta das oito horas da noite, ao sair do McDonald’s da Avenida Gastão Vidigal, o padre foi abordado por criminosos e sofreu um sequestro relâmpago – que de rápido não teve nada, já que ele ficou na mão dos sequestradores, amarrado e encapuzado em um cativeiro em Osasco, por mais de 24 horas!

É claro que, dentro de uma cidade enorme e marcada por tantos contrastes como São Paulo, mesmo com notícias chocantes como essa ainda podemos nos sentir privilegiados por morarmos em áreas como a Leopoldina, que nos proporcionam qualidade de vida. Mas não dá para negar que o impacto positivo da inauguração da Carlo’s Bakery aqui perde um pouco do brilho diante do visível temor da violência. E isso é uma pena!

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA