Atendimento de presos é prioritário

0
729

Enquanto uma reunião entre a direção do Pronto-Socorro da Lapa, representantes do Cadeião de Pinheiros, e do Conselho das Associações Amigos de Bairros (Consabs), discutia o encaminhamento e atendimento de presos no PS, na tarde de quinta-feira, 15, um carro da Administração Carcerária, escoltado por três viaturas da Polícia Militar, chegou com um preso ferido na emergência.
Os usuários, assustados com o armamento pesado da escolta, tiveram que aguardar para serem atendidos. “Toda vez que chega um preso, ele tem prioridade. A determinação é do Juiz Corregedor”, conta o diretor adjunto do Consabs, Renato Giribola. “A comunidade tem que ter um pouco de paciência, eles não podem permanecer por muito tempo no Pronto- Socorro. A determinação do juiz é para segurança dos usuários e para diminuir o risco de resgate ou tiroteio”, explica Giribola.
No encontro entre comunidade e direção do PS ficou acertado que os presos devem ser encaminhados pelo Centro de Detenção com prontuário. Além disso, a direção do Pronto-Socorro será comunicada antes da chegada do preso, para providenciar um melhor atendimento tanto ao detento quanto as pessoas que procuram a unidade de saúde.

COMPARTILHE
Próximo artigoPRESTIGIO

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA