Modelo de concessão de parques é alvo de críticas em Audiência Pública

0
459

Foto: Divulgação

Divulgação
Ativistas pediram ao vereador Donato fiscalização na atuação das concessionárias de parques estaduais

O ativismo verde da Zona Oeste atendeu ao chamado do deputado estadual Antonio Donato (PT) e compareceu à Audiência Pública na Assembleia Legislativa para defender mudanças no modelo de concessão dos parques estaduais.

No debate, realizado na quinta-feira, 9, a presidente da Associação Amigos de Alto de Pinheiros (SAAP), Maria Helena Bueno, descreveu o panorama do Parque Villa-Lobos, sob gestão da concessionária Reserva Parques: “O Villa-Lobos, durante 20 anos, cumpriu sua missão de ser um espaço contemplativo, musical, com biblioteca e, depois, com o orquidário Ruth Cardoso.  De repente, com a concessão, tudo mudou. Virou um parque de diversões com inúmeras atrações caríssimas, estacionamento também caríssimo e um monte de barraquinhas vendendo de tudo”, relatou ela.  “Os eventos duram um mês em área cercada por tapumes. Nesse espaço tem segurança que não vemos do lado de fora, banheiros que não temos no parque. Virou um parque para determinada classe social”, acrescentou a presidente da SAAP.

Adaucto Durigan, do Fórum Social Leopoldina, destacou a fragilidade do controle social no modelo de concessão. “Os Conselhos Gestores de equipamentos públicos estão previstos em lei federal. Em São Paulo, os conselhos dos parques são regidos por decreto, que pode mudar numa canetada do governador que estiver no cargo. Penso que o ideal seria o encaminhamento de um Projeto de Lei, definindo claramente o papel dos Conselhos dos parques, dando a esses órgãos mais poder de controle”.

Segundo os ativistas, outro parque gerenciado pela Reserva Parques na Zona Oeste, o da Água Branca, também enfrenta problemas. A grande preocupação é a falta de cuidado com a fauna. Foram relatados casos de maus-tratos aos animais que tradicionalmente habitam a grande área verde, localizada na Avenida Francisco Matarazzo.

Ao final da Audiência Pública, Donato assumiu compromissos no âmbito Legislativo. “Vamos encaminhar a construção desse Projeto de Lei, apresentá-lo à secretária Natália Resende (Meio Ambiente, e Infraestrutura), e convidar a concessionária Reservas Parques para explicar, em Audiência Pública, todos esses problemas”, afirmou o vereador petista.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA